Novembro - 12

Novembro azul: porque consultar um urologista é fundamental?

Tradicionalmente, Novembro é um mês dedicado à saúde dos homens. A Movelmar faz parte do movimento Novembro Azul, que ajuda na conscientização a respeito de doenças masculinas, com foco na prevenção e diagnóstico precoce do câncer de próstata.  Isso porque, segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca), mais de 68 mil novos casos da doença e cerca de 13 mil mortes são registradas todos os anos em decorrência da doença. 

O câncer de próstata é o segundo tipo de câncer mais recorrente em homens de todas as regiões do país.  Com 28,6% dos casos, ele está atrás apenas do câncer de pele não-melanoma.

Contudo, quando descoberto no início, a possibilidade de recuperação é de 95%.

E para que isso ocorra, a consulta anual ao urologista é fundamental, uma vez que na fase inicial, a doença é assintomática e silenciosa. A visita ao médico deve acontecer a partir dos 50 anos, idade que cai para 45 quando para quem tem histórico da patologia na família.

Sintomas e diagnóstico do câncer de próstata

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), muitos pacientes não apresentam nenhum sintoma ou, quando apresentam, são semelhantes aos do crescimento benigno da próstata, como dificuldade de urinar, necessidade de urinar mais vezes durante o dia ou à noite. Na fase avançada, pode provocar dor óssea, sintomas urinários ou, quando mais grave, infecção generalizada ou insuficiência renal.

Dois exames iniciais têm grande importância para o diagnóstico da doença: o exame de sangue, por meio do Antígeno Prostático Específico (PSA), e o exame de toque, ambos cobertos pela Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde que determina a cobertura mínima obrigatória dos planos de saúde. Esses dois exames, quando associados, podem dar uma segurança de cerca de 90% ou mais, auxiliando no diagnóstico precoce da doença.

Como prevenir o câncer de próstata?

Já está comprovado que uma dieta rica em frutas, verduras, legumes, grãos e cereais integrais, e com menos gordura, principalmente as de origem animal, ajuda a diminuir o risco de câncer, como também de outras doenças crônicas não-transmissíveis. Nesse sentido, outros hábitos saudáveis também são recomendados, como fazer, no mínimo, 30 minutos diários de atividade física, manter o peso adequado à altura, diminuir o consumo de álcool e não fumar.

Entre os fatores que mais ajudam a prevenir o câncer de próstata estão:

Ter uma alimentação saudável.

Manter o peso corporal adequado.

Praticar atividade física.

Não fumar.

Evitar o consumo de bebidas alcoólicas.